16-JUNHO-2017
PORTUGUESAS MANTÊM VIVA A ESPERANÇA


 

A Selecção Nacional de Seniores Femininos defronta amanhã (18h00) a Eslováquia num jogo decisivo para as aspirações das duas equipas.
Hoje, no Centro de Desportos e Congressos de Matosinhos, sede da Poule C da Liga Europeia, Portugal venceu a Suécia por 3-0 (25-17, 31-29 e 25-23).

Portugal entrou bem no jogo (7-1) e no segundo tempo técnico vencia por 16-11, com um serviço directo de Vanessa Rodrigues. E foi com outro «ás», deste de Juliana Rosas, que Portugal selou o set: 25-17.
A perder por 3-7, as nórdicas reagiram e passaram para a liderança (17-13), mas Portugal recuperou o comando com um serviço de Eliana Durão (22-21) e foi defendendo a sua posição até aos 31-29 finais.
O terceiro set foi o mais equilibrado mas acabou por confirmar a superioridade das portuguesas, sobretudo no ataque e serviço, com destaque para a distribuidora Vanessa Rodrigues, autora dos dois pontos finais: 25-23.I

Isabelle Haak, com 20 pontos, e Julia Kavalenka, com 14, foram as melhores pontuadoras do jogo.

Manuel Almeida, treinador adjunto de Portugal, reconheceu:
"Amanhã é um jogo decisivo entre Portugal e Eslováquia. Se a Espanha perder com a Suécia, matematicamente ainda temos hipóteses de chegar ao primeiro; se as espanholas vencerem, temos hipóteses de ser os melhores segundos classificados. Independentemente do resultado do jogo Espanha x Suécia, temos de vencer a Eslováquia amanhã e a Espanha no domingo. Hoje fizemos um jogo bem conseguido e foi pena o final do segundo e terceiro sets, em que cometemos alguns erros que acabaram por equilibrar o jogo".

Guillermo Gallardo, treinador da Suécia:
"Foi um bom jogo, com os dois últimos sets a serem muito equilibrados. Portugal é um pouco mais forte do que nós porque tem duas ou três jogadoras mais experientes e isso foi decisivo nos momentos cruciais. O que se pode dizer do jogo de amanhã? A Espanha é a equipa mais forte e vamos bater-nos o melhor possível".

Vídeo com declarações de Neusa Neto aqui

Espanholas dão passo de gigante rumo à Final

Eslováquia x Espanha, 0-3 (21-25, 13-25 e 23-25).
.O desacerto ofensivo das eslovacas e a maior eficácia evidenciada pelas espanholas em todos os aspectos acabaram por desequilibrar os pratos da balança a favor da equipa de Pascual Sarin, que voltou a vencer por 3-0 e, mantendo-se invicta, deu um passo de gigante rumo à final: 25-21, no primeiro set, com um bloco da capitã Helia Gonzalez; 25-13, no segundo, com um serviço directo de Milagros Collar-Nguema. O terceiro set, apesar de mais equilibrado, apenas confirmou a maior tranquilidade das espanholas nos momentos decisivos: 25-23.

Helia Gonzalez e Milagros Collar-Nguema, ambas com 15 pontos, foram as melhores pontuadores do jogo.

Marek Rojko, treinador da Eslováquia:
"Estávamos à espera de jogar melhor e por isso não posso estar satisfeito, mas temos de respeitar o valor do nosso adversário e neste momento a Espanha é melhor. Agora, temos de vencer os dois jogos por 3-0 e assim termos possibilidade de nos apurarmos no 2.º lugar. É esse o nosso objectivo principal agora".

Capitã espanhola, Helia Gonzalez:
"Não foi fácil ganhar novamente à Eslováquia, uma equipa que aproveita qualquer fraqueza do adversário e por isso obrigou-nos a estar sempre concentradas.
Estamos muito contentes, pois estamos a conseguir concretizar o nosso grande objectivo, que é o apuramento para a final. Estamos já a pensar no jogo de amanhã e, sobretudo, em jogar bem, pois é dessa forma que estamos a conseguir superar as nossas adversárias".
estação televisiva Sport TV vai transmitir jogos das competições que envolvem, entre hoje e domingo, as selecções nacionais de seniores.

Informações aqui   

 
PARTILHA ESTE ARTIGO NAS REDES SOCIAIS