16-DEZEMBRO-2015
ACÇÃO DE SOLIDARIEDADE
NO CORAÇÃO DE LAMEGO


A tarde estava fresca e o vento frio não deixava esquecer que estamos no Inverno, mas o entusiasmo e o calor com que o Lar de Acolhimento de Crianças e Jovens da Santa Casa da Misericórdia de Lamego (SCML), no coração desta cidade histórica, acolheu a «delegação» da Federação Portuguesa de Voleibol (FPV) aqueceu imediatamente o ambiente.

Entre risos e olhares curiosos, as cerca de 30 utentes do Lar de Infância e Juventude da SCML (LIJ) foram «desfilando» no cumprimento aos recém-chegados, sob as indicações de Maria Batista, Directora do LIJ, que desempenhou o papel de anfitriã na visita federativa a um dos pilares lamecenses de solidariedade.

"Nós somos mais fortes do que pensamos e seremos mais felizes do que imaginamos!".
O alerta, implícito no lema exposto na sala de convívio, é cumprido à risca, pois é com enorme atenção mas igual dose de à-vontade e boa disposição que as palavras de Vítor Pereira e Hugo Gonçalves, responsáveis técnicos da FPV a nível nacional pelo Gira-Volei, e de Artur Pombinho, Presidente da Associação de Voleibol de Viseu, foram sendo seguidas, enquanto eram entregues algumas lembranças alusivas ao Voleibol.

A importância deste gesto de solidariedade, repetido ao longo dos anos pela FPV, transcende aquilo que habitualmente se designa por acção social e entra no campo afectivo de crianças e adolescentes que, numa altura tão sensível como a época natalícia, se vêem privadas da companhia da família.
É o caso das utentes do Lar de Infância e Juventude da SCML, que habitam durante o ano inteiro nas instalações da SCML, como refere a Directora Maria Batista. [Ver vídeo com declarações aqui]

Como lembrou Goethe: "Só é possível ensinar uma criança a amar, amando-a". E é isso que procura fazer o Lar das Crianças da SCM, a quem desejamos um Feliz Natal!

Fundada em 1519, "21 anos depois da Rainha D. Leonor ter fundado a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa", a Santa Casa da Misericórdia de Lamego pretende ser reconhecida pela excelência dos serviços prestados no Concelho de Lamego e, presentemente, conta com um Lar da Terceira Idade – Lar de Arneirós; um Lar de Acolhimento Prolongado de Crianças e Jovens do sexo feminino em situações de risco – Lar das Crianças Nossa Senhora dos Remédios, com capacidade para 30 crianças dos 6 aos 18 anos; um Centro de Acolhimento Temporário destinado a crianças em situação de risco/emergência com capacidade para 20 crianças de ambos os sexos e com idades entre os 0 e os 12 anos, e ainda com serviços pedagógicas de Creche, Jardim-de-Infância e ATL.

Mais informações: www.giravolei.com

 
PARTILHA ESTE ARTIGO NAS REDES SOCIAIS