30-AGOSTO-2015
SUÍÇAS NINA E NICOLE
COROADAS NO AZIBO


As suíças Nina Betschart e Nicole Eiholze são as novas rainhas europeias de Sub-22. A sua coroação realizou-se hoje na Praia da Ribeira, Albufeira do Azibo, em Macedo de Cavaleiros, no Campeonato da Europa de Sub-22, organizado pela Federação Portuguesa de Voleibol (FPV), com a colaboração da Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros (CMMC).

Na final, Katarzyna Kociolek e Dorota Strag entraram de rompante (7-1), mas, pouco a pouco, Nina Betschart e Nicole Eiholzer foram assentando o seu jogo, forte em todos os fundamentos, e recuperaram terreno (8-11). Em situação de igualdade na recta final do set (18-18), as helvéticas não vacilaram e asseguraram a vitória com um ataque de Nicole  (21-19).

No segundo set, as polacas tentaram o impossível: contrariar o excelente momento de forma das suíças. Chegaram a passar para a frente no marcador (10-9), mas foi sol de pouca dura. Um espectáculo de como jogar Voleibol de Praia com direito a assistir a um punhado de defesas e ataques espectaculares de Nina, terminaria em beleza com um bloco de Nicole (21-18).

"Estamos muito felizes com esta medalha de ouro, pois esta final foi muito difícil até ao fim. Tivemos jogos que se decidiram no tie-break ao longo da competição e, por isso, fomos obrigadas a dar o nosso melhor para vencer. Jogamos juntas há já oito anos e conhecer bem a nossa parceira, como nós nos conhecemos, é praticamente decisivo em alturas em que as jogadoras estão já no limite", salientaram as novas campeãs europeias de Sub-22.

Já Katarzyna e Dorota, que já tinham sido finalistas vencidas em 2014, na Turquia, reconheceram:
"É verdade que estamos um bocado desapontadas porque estávamos a liderar o marcador no primeiro set, mas perdemos três pontos consecutivos e elas fizeram-nos arrepender disso.
De qualquer forma, fomos novamente vice-campeãs e só temos de estar felizes com isso".

Ver Resultados aqui

Medalha de bronze
para a Lituânia

No jogo de atribuição da medalha de bronze, disputado por Monika Povilaityte/Ieva Dumbauskaite (Lituânia) e Ksenia Dabizha/Nadezda Makroguzova (Rússia), o primeiro set foi extremamente equilibrado até aos 18-18. Nessa altura, as russas somaram dois pontos, fruto de um erro no ataque das lituanas e de um contra-ataque rápido. Mais confiantes e eficazes nas acções ofensivas, Dabizha e Makroguzova venceram bem o parcial com um serviço directo (21-18).
No segundo set, ainda mais equilibrado (11-11, 20-20, 25-25), um ataque concretizado por Ieva e outro falhado pelas russas deram a vitória à Lituânia (27-25).
Este set deu ânimo e confiança às lituanas, medalhadas com o bronze nos primeiros Jogos Europeus, que aproveitaram o único momento em que as suas adversárias baixaram os braços (11-8) para criarem uma pequena vantagem que lhes daria a medalha de bronze, resultado assegurado com um amorti de Monika Povilaityte (15-12).

"Estávamos com a esperança de atingir um lugar nas oito primeiras ou talvez entre as finalistas e acabámos por superar as expectativas, com a medalha de bronze.
Esta dupla russa é muito forte e já tínhamos perdido por duas vezes com ela. Após o primeiro set, que não nos correu bem, começámos a pensar que perderíamos o jogo, mas o nosso treinador disse-nos para jogar como fazemos nos treinos e conseguimos dar a volta ao marcador", revelou Ieva Dumbauskaite.

"É o melhor dia da minha vida, porque estou a comemorar o meu 21.º aniversário e fui eu a conseguir o ponto final que nos deu a medalha de bronze", confessou Monika Povilaityte.

Ver Resultados aqui

O caminho até à final foi tudo menos fácil.
Katarzyna Kociolek/Dorota Strag protagonizaram uma meia-final electrizante frente às combativas Monika Povilaityte e Ieva Dumbauskaite (Lituânia), tendo selado o triunfo (2-1: 21-16, 19-21 e 15-10) com dois blocos a Povilaityte, estragando a festa à lituana, que celebrou hoje 21 anos.
Na outra meia-final, as suíças Nina Betschart e Nicole Eiholzer, que venceram recentemente os I Jogos Europeus (Baku, Azerbaijão)  não deram hipóteses a Dabizha/Makroguzova.
As russas, aparentando desgaste físico provocado por uma prova supercompetitiva e mesmo uma certa desmotavição, foram presas fáceis no primeiro set (13-21). No segundo, começaram bem mas acabaram a cometer uma série de erros consecutivos em momentos cruciais do jogo. Como resultado, estiveram a vencer por 17-14 e viram as helvéticas somar cinco pontos consecutivos, abrindo caminho para o triunfo por 22-20, com um serviço directo de Nina.

No final,  Jan Hroneck, Vice-Presidente da CEV e Presidente do Júri do Europeu de Sub-22, Maria José Moreno, Deputada da Assembleia da República, Duarte Moreno, Presidente da CMMC, Rui Costa, Vereador do Turismo da CMMC, José Luís Afonso, Vereador do Desporto da CMMC, António Sá, Director da FPV, e Teodemiro Carvalho, Director do Torneio e Secretário-Geral da FPV entregaram os prémios aos vencedores.

Mais informações: www.cev.lu / Website oficial / www.facebook.com/fpvoleibol

 
PARTILHA ESTE ARTIGO NAS REDES SOCIAIS