25-AGOSTO-2015
EUROPEU DE SUB-22: PORTUGUESAS
ENTRAM EM ACÇÃO AMANHÃ


O Campeonato da Europa de Sub-22 em Voleibol de Praia foi apresentado hoje, em Conferência de Imprensa, na Praia da Ribeira, uma das 7 maravilhas de Portugal, que recebe, de amanhã e até domingo, aquela que é apontada pelos especialistas como uma mais importantes provas do calendário da Confederação Europeia de Voleibol (CEV).

Nos últimos anos, a parceria entre a Federação Portuguesa de Voleibol e a Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros tem privilegiado o Azibo como palco das finais dos Campeonatos Nacionais de Voleibol de Praia, bem como dos torneios da WEVZA, em 2014 (Sub-21) e 2015 (Sub-19 e Sub-21).
Agora, aquela que é considerada uma das praias portuguesas mais aprazíveis acolhe o Europeu de Sub-22, prova reveladora dos futuros reis e rainhas do Circuito Mundial desta variante do Voleibol.

Manuel Duarte Fernandes Moreno salientou a "parceria profícua" entre a edilidade e a FPV, que permitiu "organizar, pela sexta vez consecutiva, as finais dos Campeonatos Nacionais de Voleibol de Praia e, pelo segundo ano, torneios da WEVZA de Sub-21, categoria a que se juntou, este ano, a de Sub-19", onde uma dupla portuguesa conquistou a medalha de ouro.

E o Presidente da Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros não tem dúvidas sobre a aposta feita.
"Atrevia-me a dizer que estamos na capital nacional do Voleibol de Praia", situação que trouxe dividendos tanto para a FPV como para a região, em termos turísticos.
"Vejo na organização deste Europeu um prémio ao trabalho desenvolvido pela Câmara e pelas pessoas que connosco colaboram, há alguns meses, nestes eventos", referiu, acrescentado que Macedo apresenta boas condições para a prática desportiva, mas não se esgota aí o que tem para oferecer, pois "o Geoparque é um verdadeiro desafio aos sentidos".

Relativamente ao Europeu de Sub-22, fica o desejo:
"Espero que os objectivos tantos dos treinadores portugueses sejam atingidos e que os atletas representem da melhor forma o nosso País".

E uma revelação: "Fomos desafiados para outros voos pela Federação Portuguesa de Voleibol, através da construção de um campo de Voleibol de Praia na cidade e da criação de campos de treino permanentes aqui no Azibo e de um pavilhão que possa albergar competições de Voleibol Indoor e posso adiantar que a Câmara está a ponderar os custos destes empreendimentos para poder corresponder a esses anseios".

Teodemiro de Carvalho, Secretário-Geral da FPV e Director de Competição do Europeu de Sub-22, agradeceu "toda a colaboração e apoio" prestados pela autarquia local. O Voleibol de Praia é já uma tradição em Macedo de Cavaleiros e era chegada a altura de a região receber aqui uma prova-rainha do Voleibol europeu.
Estes atletas ainda não são seniores, mas também já não são juniores. Estão numa idade que considerada crucial na carreira dos atletas, pois alguns participam já no Circuito Mundial (World Tour).
Será muito bom para estes atletas poderem sentir a essência do Voleibol de Praia, aqui, onde se respira ar puro e sossego, num local enquadrado pela praia, pela água e pela montanha".

João Pedro Vieira foi o porta-voz da equipa de cinco treinadores portugueses, que incluem Ricardo Rocha, Pedro Carvalho, Tiago Sineiro e Bruno Lima.

"Espero que a nossa representação seja o mais digna possível. As nossas duplas vão tentar ser o mais competitivas possível e tentar crescer ao longo da fase de grupos. Vamos tentar passar à fase seguinte [eliminatória simples]", afirmou.

Sara Lourenço (18 anos) e Margarida Vasques (16), duas das atletas mais jovens, afinaram pelo mesmo diapasão:
"Estamos ansiosas, no bom sentido, pois queremos entrar em competição e representar Portugal com o nosso melhor Voleibol.
Temos aqui das melhores condições para a prática do Voleibol de Praia: sossego, clima agradável e pessoas acolhedoras que nos apoiam incondicionalmente".

As duplas portuguesas ficaram hoje a conhecer as suas adversárias:
Poule G - Mariana Maia/Margarida Reis, Wouters/Luijken (Holanda), Dabizha/Makroguzova (Rússia) e Lestini/Zuccarelli (Itália).
Poule E - Bárbara Freitas/Sara Lourenço, Melniciuc/Budai (Roménia), Ittlinger/Ottens (Alemanha) e Chamereau/Lusson (França).
Poule A - Vanessa Paquete/Margarida Vasques, Morgan/Stegel (Eslovénia), Lunde/Helland-Hansen (Noruega) e Lece/Ozolina (Letónia).

Ver conferência de Imprensa aqui. E calendários de jogos aqui. Ver jogos em directo aqui

As duplas portuguesas, que vão disputar o Quadro Principal do Europeu de Sub-22 são:
Em masculinos, Diogo Maia / Tomás Silva, 8.ºs classificados no Europeu de Sub-20 (Itália, 2014), 9.ºs classificados no 9, realizado no Porto em 2013, e 2.ºs classificados no I Torneio de Sub-21 da WEVZA (2014), em Macedo de Cavaleiros.
Francisco Pombeiro, 9.º classificado nos Mundiais de Sub-19 em 2013, no Porto, volta a fazer dupla com José Jardim, com quem conseguiu já um 2.º lugar no Torneio de Sub-21 da WEVZA (Azibo, 2015) e o 25.º lugar no Mundial de Sub-19 em 2014, para além de terem vencido, nesse ano, o Campeonato Nacional de Sub-20.
Bernardo Silva e Bernardo Leite foram 25.ºs classificados no Mundial de Sub-19, em 2014.
Em femininos, Vanessa Paquete, 17.º classificada no Mundial de Sub-19 (Porto, 2013) e 2.ª classificada no torneio de Sub-21 da WEVZA (Azibo, 2014), fará dupla com Margarida Vasques, jogadora de apenas 16 anos, mas com um currículo internacional que inclui já o 17.º lugar no Campeonato do Mundo de Sub-17, realizado no ano passado no México, e no Europeu de Sub-18
(Noruega, 2014).
Igualmente ambiciosas, embora menos experientes, as jovens (18 anos) Bárbara Freitas e Sara Lourenço, 4.ªs classificadas no Torneio de Sub-19 da WEVZA (Azibo, 2015) e Mariana Maia, 25.ª classificada no Mundial de Sub-21 (Porto, 2014), que faz dupla com Margarida Reis, 4.ª classificada no Torneio de Sub-21 da WEVZA (Azibo, 2014). 

Campeões querem revalidar títulos

As polacas Karolina Baran e Jagoda Gruszczynska defendem no Azibo o título de campeãs europeias de Sub-22 conquistado em Fethiye, na Turquía, na primeira edição da prova.
Simpáticas e ambiciosas, as jovens jogadoras de Leste não têm pejo em afirmar:
"O nosso objectivo principal é voltarmos a ser campeãs europeias, que é uma sensação incrível. No ano passado, vencemos [3-2 (13-15, 16-18, 15-13, 15-13, 7-5)], na final, a outra dupla polaca [Katarzyna Kociolek/Dorota Strag] num jogo muito difícil, pois conhecíamo-nos muito bem. Cremos que serão as principais opositoras ao nosso desejo de revalidar o título.
Ainda estamos a tomar contacto com o local da prova, mas a Praia da Ribeira e a zona que a envolve são muito bonitas".

Os noruegueses Christian Sandlie Sorum e Runar Torsvik Sannarnes são os campeões em título da categoria de Sub-22, conquistado na Turquia frente aos suíços Nico Beeler/Marco Krattiger: 3-0 (15-11, 15-12 e 15-10).
"Estamos muito motivados para dar o nosso melhor nesta competição, que é o nosso principal objectivo da época. Queremos revalidar o título, mas sabemos que será muito difícil, pois há duplas muito fortes".

Mais informações: www.cev.lu / Website oficial / www.facebook.com/fpvoleibol

 
PARTILHA ESTE ARTIGO NAS REDES SOCIAIS