23-AGOSTO-2015
TORNEIO WEVZA DE SUB-17

As duplas portuguesas não conseguiram o apuramento directo para o Campeonato do Mundo de Sub-17, apesar de terem atingido os quartos-de-final do Torneio de Sub-17 da WEVZA (Western European Volleyball Zonal Association) em Voleibol de Praia.

João Nuno Pedrosa/Francisco Silva e Diogo Oliveira/Afonso Reis classificaram-se respectivamente em 1.º e 2.º lugar nos seus grupos no primeiro dia de prova.
Hoje, João Nuno e Francisco “entraram a vencer o primeiro set, mas claudicaram nos dois seguintes, perdendo 1-2 contra a dupla holandesa”, revelou o treinador Ricardo Rocha.
Igualmente nos quartos-de-final, Oliveira/Reis enfrentou os representantes da França, actuais campeões europeus, perdendo por duplo 19-21.
“Foi o melhor jogo que fizemos nesta competição, mas uma decisão no mínimo duvidosa no primeiro set tirou-nos uma vantagem de três pontos numa fase crucial do set, passando o resultado que nos era favorável e que deveria de ser de 19-16 para 18-17. Acabámos por perder por 21-19 com dois blocos imponentes do blocador gaulês. No set seguinte, conseguimos encurtar uma diferença de quatro pontos e o set foi decidido em pormenores, perdendo de novo 21-19”, salientou o responsável pelos Centros de Treino de Alto Rendimento de Voleibol de Praia da FPV, concluindo:
“Apesar de ainda não termos conseguido a qualificação para o Mundial de Sub-17 por esta via, é sempre muito bom participar nestes torneios, pois nota-se muita evolução em todos os atletas ao longo do torneio. Outro factor que se retira é o facto de conseguirmos fazer face a duplas que trabalham todo o ano, que estão muito rotinadas, apesar de sentimos, até nestas idades mais tenras, que um factor tão importante como é a "altura" continua a ser uma desvantagem para nós”.

Em femininos, e depois de ter sido uma das melhores terceiras classificadas, a dupla Mariana Nora/Ana Rita Baptista defrontou a melhor dupla espanhola da categoria, tendo perdido por 0-2 (15-21 e 19-21).
Inês Castro e Beatriz Pinheiro não conseguiram ultrapassar a fase de grupos.

Mais informações no site oficial da WEVZA: www.wevza.com

Diogo Oliveira/Afonso Reis e João Nuno Pedrosa/Francisco Silva, em masculinos, e Inês Castro/Beatriz Pinheiro e Mariana Nora/Ana Rita Baptista, em femininos, foram os escolhidos para representar Portugal neste Torneio de Sub-17 da WEVZA.
Os atletas viajaram acompanhados pelos treinadores Ricardo Rocha e Tiago Sineiro, dos Centros de Treino de Alto rendimento de Voleibol de Praia (CTARVP) da Federação Portuguesa de Voleibol.

Nota informativa: A WEVZA, que foi constituída no dia 26 de Setembro de 2013, integra oito países – Portugal, Espanha, Alemanha, Bélgica, Itália, Holanda, França e Suíça – e tem como Presidente o espanhol Agustín Martín Santos, Presidente da Real Federação Espanhola de Voleibol (RFEVB), e como Vice-Presidentes o português Vicente Araújo, Presidente da FPV, e o holandês Hans Nieukerke, Presidente da Federação Holandesa de Voleibol.

O objectivo primordial desta associação zonal é fortalecer e fomentar a organização de actividades desportivas, tanto de Voleibol como de Voleibol de Praia, com especial ênfase nas categorias de formação.

A Confederação Europeia de Voleibol (CEV) conta com seis associações zonais: a WEVZA (Europa Ocidental), a BVA (Balcãs), a EEVZA (Europa de Leste), a MEVZA (Europa Central), a NEVZA (Europa do Norte) e ainda a SCD (Divisão dos Pequenos Países), da qual fazem parte Andorra, Chipre, Ilhas Faroe, Gibraltar, Gronelândia, Islândia, Irlanda, Liechtenstein, Luxemburgo, Malta, Mónaco, Irlanda do Norte, San Marino, Escócia e País de Gales.

Mais informações: www.fpvoleibol.pt/WEVZA / www.facebook.com/fpvoleibol / www.cev.lu / www.fivb.com

 
PARTILHA ESTE ARTIGO NAS REDES SOCIAIS