28-JUNHO-2015
JOGOS COM A FINLÂNDIA
SERÃO DE TUDO OU NADA

A Bélgica confirmou hoje o seu favoritismo relativamente à qualificação para a Final Four ao vencer Portugal por 3-0 (28-26, 25-23 e 25-18) e somar, agora, mais três pontos do que o seu rival directo, a Holanda, adversário que vai receber no próximo fim-de-semana, na jornada do fecho da fase de grupos da Fase Intercontinental da 26.ª edição da Liga Mundial.
Por seu turno, Portugal vai receber a Finlândia na última jornada (dias 4 e 5 de Julho), novamente no Pavilhão Desportivo Municipal da Póvoa de Varzim.

Com o Secretário de Estado da Juventude e Desporto, Emídio Guerreiro, acompanhado dos seus familiares na bancada, a assistir a este segundo duelo entre a Selecção Nacional de Seniores Masculinos e a Bélgica, a equipa orientada por Hugo Silva entrou com determinação no jogo e chegou ao primeiro tempo técnico com o dobro dos pontos do seu adversário (8-4), quatro dos quais obtidos pelo oposto Marco Ferreira.
Filip Cveticanin, sem denotar complexos apesar da sua juventude, fez o 12-7 com um bloco. Quando João Oliveira fez o 14-8 no ataque, Dominique Baeyens reuniu com os seus jogadores para dar alguns retoques na sua estratégia, mas Portugal logrou atingir a segunda paragem obrigatória com uma distância ainda maior (16-11).
A Bélgica reagiu e, depois de Sam Deroo aproximar a sua equipa com um bloco, dois erros dos portugueses deram a liderança aos visitantes (18-17).
Mas foi sol de pouca dura, já que a equipa de Hugo Silva recuperou a liderança e o jogo entrou numa toada mais equilibrada (22-22).
Pieter Coolman fez o 24.º ponto, mas Marco igualou com autoridade, assinando o seu 7.º ponto no ataque, e passou a sua equipa para a frente logo de seguida (25-24), com dois ataques.
Um serviço de Matthias Valkiers catapultou a Bélgica para o topo (26-25) e seria com novo serviço directo, desta vez da autoria de Seppe Baetens, que a Bélgica chegaria à vitória por 28-26.

No segundo set, Portugal deu um passo em frente por intermédio de Cveticanin (3-0), mas Sam Deroo reduziu com o seu 9.º ponto no ataque. E foi também com o 9.º ponto no ataque, mas de Marco Ferreira, que Portugal fixou o resultado no primeiro tempo técnico (8-4) e avolumou a diferença pouco depois (10-4).
Alexandre Ferreira terminou com um ataque em força a jogada mais longa do encontro (14-8).
Contudo, e tal como no set inaugural, ao conseguir uma vantagem de seis pontos, Portugal começou a sentir dificuldades em obstar à reacção dos belgas (14-14), que empataram com mais um serviço directo do inevitável Sam Deroo...
Um penalty de Baetens fez o 16-15 para a Bélgica. O equílibrio manteve-se até aos 22-22, altura em que dois erros de recepção/ataque de Portugal deram vantagem à Bélgica (24-22) e coube a Deroo selar o triunfo: 25-23.

No terceiro set, a Bélgica pressionou logo desde o início, na mira dos três pontos (6-1), e chegou ao primeiro tempo técnico com uma clara vantagem (8-3).
Os bons serviços de Gert Van Walle pioraram ainda mais a situação (10-3)...
Sam Deroo, com o seu 13.º ponto individual no ataque, tornou ainda mais fácil a caminhada rumo ao triunfo (16-4). E seria novamente o n.º 3 da Bélgica a fechar o set que dá uma preciosa vantagem de três pontos sobre a rival Holanda, à partida para a última jornada.

O belga Sam Deroo, com 21 pontos, foi o melhor pontuador do jogo, enquanto Marco Ferreira, com 15, foi o português mais concretizador.


Hugo Silva, Seleccionador Nacional salientou:
"Ontem, morremos com um tiro, no terceiro set; hoje, foi com dois. Não nos conseguimos aguentar nos dois primeiros sets, faltou-nos um jogador experiente. Alguém que apareça e puxe pela equipa, equilibrando naqueles momentos que estamos mal. Foi por isso que entrou o Valdir. Vêm aí os jogos com a Finlândia, que são cruciais para a qualificação".

Marco Ferreira foi o segundo melhor pontuador do jogo:
"Lutámos muito, mas não foi o suficiente e eu saio daqui frustrado porque sei que podemos fazer muito melhor. Continuamos a apresentar altos e baixos, não conseguimos manter a continuidade. Sofremos um ponto, cometemos mais um erro e depois baixámos a cabeça e não pode ser assim. Não podemos desistir à primeira nem à segunda. Temos de lutar sempre, embora estejamos conscientes das dificuldades que esta equipa tem. Só unidos é que poderemos dar a volta, com garra e querer à mistura, sim, mas é preciso dar mais, porque nós somos capazes de fazer melhor e só conseguimos mostrá-lo a espaços, depois parecemos outra equipa...
Os jogos com a Finlândia são de tudo ou nada relativamente ao terceiro lugar. Ninguém gosta de perder e estamos a atravessar um mau bocado, mas temos de nos concentrar totalmente nestes dois últimos jogos, que são a nossa última hipótese. Este público e as pessoas que nos apoiam merecem que a Selecção Nacional lhes ofereça vitórias nos últimos jogos. Temos de nos esforçar ao máximo para que isso aconteça".

Dominique Baeyens, Seleccionador da Bélgica:
"Obviamente, estou muito feliz com estas duas vitórias alcançadas em Portugal. Sabíamos que seria difícil, mas conseguimos superar situações adversas e somar seis pontos, o que nos coloca a uma vitória da qualificação para a Final Four.
Este foi um jogo extremamente difícil, pois estivemos sempre em desvantagem nos dois primeiros sets, mas reagimos bem e conseguimos dar a volta ao jogo. No terceiro set, Portugal recuperou, mas era tarde demais e estávamos conscientes de que a vitória não nos fugiria".

Gert Van Walle, oposto da Bélgica e autor de 12 pontos:
"Estas duas vitórias dão-nos alento para os dois jogos que faltam com a Holanda. Hoje, conseguimos uma vitória difícil. Após estarmos quase sempre em desvantagem, mostrámos muito espírito de equipa, mantivemo-nos unidos e merecemos a vitória".

Comitiva Portuguesa

Nome

Posição

DN

Clube

Ivo Casas Libero 21.09.92 SL Benfica
Marcel Gil Central 08.05.90 Beauvais (FRA)
João Oliveira Zona 4 31.07.95 SL Benfica
Miguel Rodrigues Distribuidor 02.03.93 Piacenza (ITA)
Filip Cveticanin Central 19.06.96 Castelo da Maia GC
João José Central 07.06.78 AJ Fonte do Bastardo
Tiago Violas Distribuidor 27.03.89 AJF Bastardo
Marco Ferreira Oposto 04.10.87 SC Espinho
Valdir Sequeira Oposto / Z4 22.11.81 SC Espinho
João Fidalgo Libero 02.11.86 AJF Bastardo
Alexandre Ferreira Zona 4 13.11.91 Ziraat Bankasi (TUR)
Fabrício Silva Central 24.10.81 SL Benfica
Chefe da Delegação: António Sá
Treinador Principal: Hugo Silva
Treinador Adjunto: Carlos Prata
Preparador Físico: Mário Simões
Médico: Carlos Magalhães
Scouter: Ricardo Rocha
Fisioterapeuta: Diogo Barata

Contactos

Hotel
Axis Vermar

Rua da Imprensa Regional, Póvoa de Varzim
Tel: 252 298 900
Fax: 252 298 901

Pavilhão Desportivo Municipal da Póvoa de Varzim
Tel: 252 681 909
Fax: 252 683 536

Mais informações: www.facebook.com/fpvoleibol / www.fivb.com / www.fpvoleibol.pt/WL2015

 
PARTILHA ESTE ARTIGO NAS REDES SOCIAIS